Lembrancinhas em geral clique e confira!!!

quinta-feira, 26 de julho de 2012

O que são fungos

Postado Por educaipo Postado As 09:31 Com 1 Comentario

Você sabe o que são fungos? Nós consumimos alguns alimentos produzidos a partir deles diariamente e muitas vezes sem saber.
Você sabia que o maior ser vivo do planeta é um fungo?
Esse reino, de mais de um milhão e meio de espécies, algumas delas microscópicas, é ainda quase desconhecido para a ciência. Mas já sabemos que entre eles há muitos que já se tornaram imprescindíveis para a saúde humana.
À primeira vista, os fungos são pouco interessantes. Mas eles contribuem de forma decisiva para a preservação da diversidade biológica do nosso planeta e estão presentes, de formas mil, no nosso cotidiano. O pão que comemos necessita de um fungo, que age como fermento biológico. Essa levedura é o Saccharomyces cerevisae, fungo unicelular, base para muitas indústrias, além da panificação.
A cerveja e todas as bebidas alcoólicas feitas a partir da fermentação também são produtos fúngicos. O mesmo fungo que produz gás carbônico na massa de pão, a Saccharomyces cerevisae, ajuda a transformar açúcar em álcool. Quando tomamos um chope ou uma cerveja, bebidas que sofreram pasteurização, células vivas de fungo, as leveduras, estão contidas no líquido. Os refrigerantes também são produtos fúngicos, porque a maioria tem ácido cítrico, produzido por um fungo, o Aspergillus lividus, que é usado industrialmente. (O nome do ácido sugere que é produzido a partir de frutas cítricas, e de fato, assim era no passado. Hoje todo o ácido cítrico consumido é produzido a partir do Aspergillus lividus.)
Com relação aos tipos de alimentos que utilizam, os fungos são classificados em saprobióticos, parasitas e simbióticos. Os saprobióticos ou saprofíticos se alimentam de material morto. É o caso dos mofos e bolores e de vários fungos comestíveis, como o shitake, dos japoneses. Associados a bactérias atuam no ambiente como reguladores naturais da população de outros organismos. Daí o seu papel para a manutenção da biosfera ter importância igual à das plantas. Sem os fungos, a vida tal qual é hoje na Terra não seria possível, pois eles são agentes da decomposição, permitindo a reciclagem de nutrientes.A importância antropológica dos fungos não se limita ao seu uso como alucinógenos. Eles são apreciados na culinária também desde épocas muito antigas. No Império Romano, a espécie de cogumelo Amanita cesariae, foi assim batizada por ter sido reservada aos césares. Outros cogumelos comestíveis eram de uso exclusivo dos nobres.
Um dos usos mais importantes dos fungos é, sem dúvida, a produção de medicamentos. A primeira e a mais famosa de todas as substâncias medicamentosas extraída dos fungos foi a penicilina, descoberta em 1929 por Alexander Fleming. A penicilina foi o primeiro antibiótico a ser produzido industrialmente. Muito do que se aprendeu na transformação das observações de Fleming numa operação de larga escala, economicamente viável, pavimentou o caminho para a produção de outros agentes quimioterápicos, à medida que foram descobertos.
Doenças causadas por fungos no homem

Na pele causam inflamações chamadas genericamente de impingem (Ptiríase vesicolor), e as micoses dos pés, virilha, e dobras em geral. Causam também inflamações nas unhas, tanto na base (candidíase) como na ponta (escurece e descasca). Na boca são os sapinhos (grumos brancos principalmente em crianças), na vagina dão o corrimento esbranquiçado. Nos órgãos internos podem crescer praticamente em qualquer lugar, desde os intestinos até às meninges, com a ressalva de acontecer isto basicamente com os imuno-deprimidos como na AIDS e no câncer.
Fungos venenosos

Há fungos tóxicos e venenosos, como por exemplo, a espécie Amanita muscaria. Dependendo da quantidade que os cogumelos dessa espécie são ingeridos são capazes de causar alterações no sistema nervoso.De acordo com a espécie e quantidade ingeridas do fungo há possibilidades de causar até a morte.Há também os cogumelos alucinógenos, ou seja, que causam alucinações, delírios.
O maior ser vivo do planeta

O maior ser vivo do planeta é o fungo Armillaria ostoyae conhecido popularmente como "cogumelo-do-mel". Possui um tamanho aproximado de 8,8 milhões de metros quadrados (área equivalente a 1220 campos de futebol). Ele não para de se espalhar pelos subterrâneos de uma floresta em Oregon, nos Estados Unidos. Na superfície, existe uma infinidade de cogumelos que formam o Círculo das Fadas. Estima-se que ele tenha surgido há mais de 2,4 mil anos como uma partícula minúscula. Lentamente foi abrindo caminho entre as raízes das árvores até matar todas.



Texto: wikipedia


Digite seu e-mail abaixo e receba nossas atualizações grátis!!

Digite seu e-mail abaixo:


Delivered by FeedBurner

1 comentários :

Deixe aqui seu comentário!!! Tenha um bom dia!

Conheça nossa loja Virtual, ARTESANATOBISCUIT Clique e confira!!!

Conheça nossa loja Virtual, ARTESANATOBISCUIT Clique e confira!!!
Artesanato em vidros, lembrancinhas, cha de bebe, aniversarios, e muito mais!!!

O melhor da decoração para festas esta aqui!!!